Leilão de motos – Veja como e onde participar

Publicidade

A princípio, o leilão de motos é um tipo de evento em que as pessoas podem adquirir motos por um preço mais baixo. No entanto, existem vários tipos de leilões e cada um possui suas características próprias.

Em geral, os leilões mais populares para quem quer comprar veículos são o da Receita Federal e do Detran. Além de que, também são os mais seguros e recomendados pelos especialistas.

Publicidade

Enfim, está pensando em comprar em um leilão de motos? Então acompanhe as principais informações das quais vamos tratar a seguir. No final, você vai saber tudo sobre o assunto e vai estar pronto para participar.

Leilão de motos
Leilão de motos (Imagem do Google)

O que é e como funciona um leilão de motos?

Antes de tudo, um leilão, de forma geral, é uma venda aberta para o público. No caso dos leilões de motos, os participantes têm a chance de arrebatar uma moto por um valor mais acessível.

Em suma, as motos que vão para esse tipo de venda são apreendidas ou tomadas de seus antigos proprietários por falta de pagamento. Como é o caso de financiamentos, por exemplo.

Assim, os veículos vão para leilões e lá recebem um valor de lance para iniciar. Dessa forma, cada pessoa que está participando do evento pode oferecer um lance. No fim, a pessoa que oferecer o maior lance compra a moto.

O leilão mais popular do Brasil: Motos apreendidas

Inicialmente, o leilão de motos apreendidas é o tipo mais popular de leilão. Por meio dele, as pessoas conseguem adquirir motos por um preço muito mais em conta.

Publicidade

De forma resumida, as motos são apreendidas por conta da falta de pagamento. Mas, outro motivo para se dar a apreensão de motos é quando as pessoas são pegas dirigindo sem ter uma habilitação.

Então, as motos que são apreendidas são levadas para leilões. Sendo assim, os mais populares são o leilão da Receita Federal e o leilão do Departamento de Trânsito – Detran.

O que é importante de se observar antes de comprar uma moto de leilão?

Um grande erro que as pessoas iniciantes em leilões cometem é participar de um evento desse sem estudar antes. Enfim, é importante saber de algumas informações antes de comprar uma moto, a seguir, confira quais são:

  • Para comprar uma moto no leilão é preciso pagar à vista;
  • Observar se a documentação da moto está em dia;
  • Prestar atenção no ano de fabricação;
  • Conferir a quantidade de quilômetros rodados;
  • Ver se a moto precisa de algum tipo de reparo;
  • Conferir em que condição o motor da moto se encontra.

Em suma, são essas as informações mais importantes que você deve ter em mente antes de adquirir um veículo em um leilão de motos. Assim, você evita sair no prejuízo ou ser lesado de alguma maneira.

Mas, como conferir essa lista de coisas? Em geral, os leilões dispõem essas informações, seja presencialmente ou online. Além de que, há eventos em que a visitação é permitida. Assim, os interessados podem verificar as motos.

Tudo sobre o leilão de motos do Detran

Em primeiro lugar, quando o Departamento de Trânsito realiza uma apreensão de moto, o dono tem um prazo de 5 dias para retirada. No entanto, não são todas as pessoas que podem arcar com as despesas.

De acordo com o Código Nacional de Trânsito, essas motos podem permanecer no Detran por até 90 dias. Depois disso, é de responsabilidade dele realizar um leilão com esses veículos.

Dessa forma, para participar de um leilão de motos apreendidas pelo Detran é preciso ter o valor para pagar à vista. No mais, o Departamento de Trânsito lança um edital com maiores informações para quem quer participar.

Entenda quem pode participar da venda pública

A princípio, tanto pessoas físicas quanto pessoas jurídicas podem participar de um leilão de motos. No entanto, há algumas condições para que os participantes arrematem os veículos.

Dessa forma, as pessoas físicas e as pessoas jurídicas podem arrematar motos que foram apreendidas pelo Departamento de Trânsito. No mais, é preciso ter mais de 18 anos.

Contudo, para arrematar motos para desmanche é necessário que a pessoa seja do tipo jurídica. Além disso, apenas pessoas jurídicas que estejam no cadastro do Detran podem dar lances.

Como participar de um leilão de motos?

Enfim, para começo de conversa, participar de um leilão de motos é muito simples. No caso de leilões do Departamento de Trânsito, as pessoas devem ler as informações publicadas pelo órgão e comparecer no evento.

Assim, qualquer um pode dar lances em um evento de vendas públicas desse tipo de veículos. Desde que sejam pessoas maiores de 18 anos e que tenham a possibilidade de pagar o valor à vista.

Nesse sentido, tudo o que você precisa fazer é estar por dentro das notícias do Detran acerca do evento. Para isso, basta ficar de olho no site do Detran do seu estado.